PETRALHAS

Em se tratando de arrogância não poderá ficar de fora, jamais, Cláudio Alberto Castelo Branco Puty (foto, à esq., na parada gay de Belém), o candidato a deputado federal pelo PT, que conta com o assumido aval da governadora petistas Ana Júlia Carepa, da qual seria o affaire da hora. Iracundo, ele ficou também conhecido como Pacheco, o personagem de Eça de Queiroz farto em empáfia, mas de parcas realizações. Petista de conveniência, a despeito do brilhante currículo acadêmico revelou-se, além de politicamente inescrupuloso, um administrador pífio, seja como secretário de Governo, seja como chefe da Casa Civil do governo Ana Júlia Carepa.
Descrito como destemperado e despido de pudores éticos, ele protagonizou um episódio revelador do seu caráter. Preparando-se para tomar de assalto a Sedes, a Secretaria de Estado de Assistência e Desenvolvimento Social, para transformá-la em um autêntico comitê eleitoral a serviço de sua candidatura, ele defenestrou de forma repulsivamente humilhante a então secretária, Ana Maria Barbosa.

PS: essa camisa do Puty ficou ou não ficou a cara dele?
fonte: blog do barata

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

VEJA O VÍDEO DO ESTUPRO DA MENINA DE 14 ANOS NA COLÔNIA AGRÍCOLA PENAL NO PARÁ QUE REPERCUTIU NO MUNDO

SOMENTE PARA MAIORES DE DEZOITO ANOS. FOTOS NUAS DE BB!

Divulgada lista de aprovados no concurso para cargos de escrivão, investigador e papiloscopista