Vereadores Santarenos defendem na tribuna da câmara os garimpeiros da região de Itaituba

 Vereadores em defesa dos Garimpeiros da região do tapajós 
Grandes conhecedores da região de Itaituba , os vereadores Paulo Gasolina (DEM) e Dayan Serique (PPS), defenderam nessa Segunda Feira, no plenário da câmara municipal de Santarém a garimpagem livre   da região de Itaituba.
Paulo Gasolina, que já foi vereador por dois mandatos na cidade de Itaituba e também secretário de esporte defendeu os trabalhos dos garimpeiros na região do tapajós. Ele falou que os garimpeiros que sempre sobreviveram da região estão sendo penalizados, e um dos principais motivos são as construções das hidrelétricas do tapajós.
O vereador Dayan Serique que também morou a mais de 10 anos na cidade de Itaituba, falou que os garimpeiros estão sendo prejudicados com essa situação, segundo o parlamentar a região de Itaituba sempre sobreviveu da garimpagem, e que agora está sendo praticamente obrigada a deixar de  desenvolver as atividades garimpeiras, ele ainda acrescentou que além de tirarem o sustento dos garimpeiros da região a município de Itaituba está sendo prejudicado com a proibição das atividades, deixando assim de circular no município muito dinheiro, assim como o seu colega vereador Paulo Gasolina ele também falou que um dos motivos da proibição e também a construção de Hidrelétricas no tapajós que segundo os vereadores essa energia não vai servir para nossa região e com isso só quem perde são os garimpeiros que estão sendo obrigados a deixarem de desempenhar suas funções.

Vale relembrar que No próximo dia 03 de maio (sexta-feira), o município de Itaituba vai sediar um grande movimento em defesa da Legalização da garimpagem quando do também fará questionamentos e debaterá com maior amplidão o decreto 174, criado pelo governo do Estado no dia 5 de abril e anunciado no dia 15 de abril deste ano, deixando apreensivos milhares de garimpeiros e a população de Itaituba e região abalada em face do temo de um grande descalabro econômico, já que a economia é alicerçada na exploração mineral.
O encontro vai ocorrer nas dependências físicas do Clube Atlético Cearense, já que a expectativa da presença de público seja elevada. O encontro tem como objetivo debater o decreto que abalou nossa economia regional e propostas com alternativas que viabilizem a garimpagem na região, hoje engessada, porque há mais de 30 anos o Governo não libera PLG e nem licença ambiental. 
Com o lema “A união faz a força” estão organizando com apoio do garimpeiro Luiz Barbudo, a COOPOURO, COOPERGRAN, COMIDEE, CODEMABRA, COOGAM, COOPMINÈRIO e outras entidades de classes que direta ou indiretamente estão inseridas no segmento mineral.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tenente faz postagens no face, e as fotos proliferaram via Whastapp

VEJA O VÍDEO DO ESTUPRO DA MENINA DE 14 ANOS NA COLÔNIA AGRÍCOLA PENAL NO PARÁ QUE REPERCUTIU NO MUNDO

Divulgada lista de aprovados no concurso para cargos de escrivão, investigador e papiloscopista