MPF processa Governo do Pará por Terminal Hidroviário abandonado

O Ministério Público Federal ajuizou ontem (11) ação civil pública contra o governo do Pará, requerendo à Justiça Federal que determine ao governo dar destinação ao Terminal Hidroviário de Belém, concluído em dezembro de 2010, nunca aberto ao uso público e completamente abandonado.
Shot004
A um custo de R$ 7,5 milhões advindos dos erários federal e estadual, o Terminal sofre processo de deterioração o que caracteriza desídia.
> Governo diz que não
O governo alega que o terminal não reúne condições de funcionamento, pois foi construído em área imprópria para um porto de passageiros e às proximidades de uma embarcação naufragada.
> Empresários e Marinha dizem que sim
Os empresários de navegação contestam o governo e afirmam que o equipamento reúne todas as condições de uso, informando que o terminal foi, inclusive, aprovado pela Marinha para funcionamento.
Shot005
> Nem uma nem outra
Instado, em 2012, o governo informou que seria construído um terminal em outro local e as edificações da obra seriam adaptadas para o funcionamento de um Centro de Reabilitação para Pessoas com Deficiência: nenhuma das duas coisas foi iniciada até hoje.
É fato que o governo tem dificuldades para operacionalizar a máquina administrativa, pois  algumas secretarias não passam de feudo de secretários que estão preocupados em alavancar seus interesses.
Enquanto isso, os passageiros que usam o transporte fluvial, principalmente os advindos do baixo Amazonas, têm que saltar de barco em barco para pisar no cais da Castilhos França.
As fotos são do “Blog da Ana Júlia”.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

VEJA O VÍDEO DO ESTUPRO DA MENINA DE 14 ANOS NA COLÔNIA AGRÍCOLA PENAL NO PARÁ QUE REPERCUTIU NO MUNDO

SOMENTE PARA MAIORES DE DEZOITO ANOS. FOTOS NUAS DE BB!

Divulgada lista de aprovados no concurso para cargos de escrivão, investigador e papiloscopista