MP abre investigação para apurar uso de helicóptero oficial por Cabral

O Ministério Público do Rio de Janeiro abriu, nesta segunda-feira (9), investigação para apurar denúncia de que o governador Sérgio Cabral estaria usando o helicóptero oficial para fins particulares. A denúncia foi publicada pela Revista “Veja” neste fim de semana, como mostrou o RJTV.
De acordo com a reportagem, o governador e a família usam a aeronave para ir, em fins de semana, a Mangaratiba, na Região Metropolitana do Rio, onde o governador tem uma casa de praia. Um piloto declarou à revista já ter levado para Mangaratiba cabeleireira, médico, prancha de surfe, amigos dos filhos.
Ainda segundo a revista, o helicóptero é utilizado por Sérgio Cabral, diariamente, para ir do Leblon, onde mora, até o Palácio Guanabara, sede do governo, em Laranjeiras, ambos na Zona Sul da cidade.
As viagens custariam, por ano, R$ 3,8 milhões aos cofres público, segundo a "Veja".
Nesta segunda-feira, em Brasília, o governador negou irregularidades.
Ele disse: "A frota de helicóptero do governo não foi criada por mim, todos os governadores de estado do Brasil têm helicopteros a disposição do estado, como muitos tem até aviões, coisa que o governo do estado não tem. A mobilidade de o governador pegar o helicoptero, estamos falando de mobilidade, e ir pra sua casa e voltar, quando a casa é fora da cidade do Rio de Janeiro, não serei, não sou o primeiro a fazer isso no Brasil. Outros fazem também e faço de acordo com o cargo que ocupo. Não estou fazendo nenhuma estripulia, não é nenhuma novidade e fico muito chateado de ver uma foto colocando meu filho de 6 anos de idade como se estivesse ali fazendo alguma irregularidade. Eu me transporto com a minha família quando saio do trabalho e vou para essa casa em Magaratiba. E rodo o estado inteiro nas aeronaves. Não só eu como secretário de estado, os subsecretários, os presidentes de empresas, o comandante da Polícia Militar, a chefe da Polícia Civil. Então, realmente eu não consigo compreender".
Em nota, o Ministério Público informou que, por determinação do procurador-geral de Justiça, Marfan Martins Vieira, o Ministério Público do Rio instaurou procedimento para apurar as denúncias de uso indevido do helicóptero oficial pelo governador Sérgio Cabral.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

VEJA O VÍDEO DO ESTUPRO DA MENINA DE 14 ANOS NA COLÔNIA AGRÍCOLA PENAL NO PARÁ QUE REPERCUTIU NO MUNDO

SOMENTE PARA MAIORES DE DEZOITO ANOS. FOTOS NUAS DE BB!

Divulgada lista de aprovados no concurso para cargos de escrivão, investigador e papiloscopista