Greve de prefeitos contra a queda do FPM



Prefeituras de Pernambuco e de Minas Gerais ameaçam fechar as portas em protesto contra a queda nos repasses federais do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), verba mensal usada no custeio das administrações.
O movimento ocorre nos Estados dos presidenciáveis Eduardo Campos (PSB-PE) e Aécio Neves (PSDB-MG), no momento em que ambos elevam o tom contra o governo de Dilma Rousseff, candidata à reeleição em 2014.
Leia também:
FPM em queda em Santarém.
Em PE, o protesto é organizado por aliados de Campos e poupa a gestão estadual.
Já em Minas são alvos tanto o Planalto como a gestão de Antonio Anastasia (PSDB), sucessor de Aécio no cargo.
A paralisação em Pernambuco está marcada para quarta em ao menos 25 cidades. Os prefeitos dizem não ter como fechar as contas e que terão que demitir funcionários a partir de novembro.
Leia mais em Prefeitos ameaçam greve contra queda em repasses federais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

VEJA O VÍDEO DO ESTUPRO DA MENINA DE 14 ANOS NA COLÔNIA AGRÍCOLA PENAL NO PARÁ QUE REPERCUTIU NO MUNDO

SOMENTE PARA MAIORES DE DEZOITO ANOS. FOTOS NUAS DE BB!

Divulgada lista de aprovados no concurso para cargos de escrivão, investigador e papiloscopista